Open Ajinomoto Aspirante e treinamento de campo levam 468 judocas a Ribeirão Preto

Judocas perfilados durante a execução do Hino Nacional © FPJCOM

Primeira etapa do certame que abrange da classe sub 9 à adulta da divisão aspirante da Federação Paulista de Judô reuniu atletas de 14 delegacias regionais

Por Paulo Pinto / FPJCOM
24 de maio de 2022 / São Paulo (SP)

Com o apoio do Ipanema Clube de Ribeirão Preto a Federação Paulista de Judô (FPJudô) realizou no sábado (21) a primeira etapa do Campeonato Open Ajinomoto Aspirante 2022. Ao todo, 468 judocas das classes masculina e feminina de 59 agremiações participaram da disputa. A segunda e última fase do Ajinomoto Open desta temporada realiza-se no dia 4 de junho no ginásio de esportes de Mogi das Cruzes.

Cleber do Carmo, delegado da 12ª DR Mogiana e anfitrião do evento © FPJCOM

A competição realizada em seis áreas de disputa foi muito bem planejada e organizada pela equipe técnica da 12ª Delegacia Regional Mogiana e comandada pelo professor kodansha e delegado regional Cleber do Carmo.

Nos tatamis, lutas excelentes revelaram a força da geração que surge no pós-pandemia © FPJCOM

A cerimônia de abertura reuniu autoridades políticas e esportivas, entre as quais Alessandro Panitz Puglia, presidente da FPJudô; Sérgio Barrocas Lex, vice-presidente da FPJudô; Cleber do Carmo, delegado da 12ª DR Mogiana; Arnaldo Queiroz Pereira, secretário-geral da FPJudô; Marilaine Ferranti Antonialli, coordenadora de arbitragem da competição; Marco Aurélio Uchida, coordenador técnico da FPJudô; Luiz Yoshio Onmura, medalhista nos Jogos Olímpicos de Los Angeles (1984); Adib Bittar Júnior, coordenador financeiro da FPJudô; André Luiz Cipriani, diretor do departamento de Judô do São Paulo Futebol Clube; Elton Fiebig, treinador do Centro de Excelência Esportiva de São Bernardo do Campo; e Alexsander José Guedes, técnico do Centro de Excelência Esportiva da FPJudô.

Alessandro Panitz Puglia, presidente da FPJudô © FPJCOM

Completaram a mesa de honra os delegados regionais Celso de Almeida Leite (15ª DR Grande Campinas), Sidnei Paris (8ª DR Oeste), Raul de Mello Senra Bisneto (4ª DR Alta Paulista) e André Gustavo Costa Gonçalves (13ª DR Sorocabana) e os professores kodanshas Marcelo Hirono, Oswaldo Hatiro Ogawa, Fernando Catalano e Edson Catarino dos Santos.

Judocas que retomaram o treinamento interrompido abruptamente encontraram praticantes que estrearam no shiai-jô após dois anos de isolamento social © FPJCOM

Ratificando o comprometimento dos professores que compõem a DR Oeste, somente a 8ª Delegacia Regional levou 171 judocas a Ribeirão Preto, ou seja, nada menos que 37% dos judocas inscritos na competição. Além do engajamento, os números impressionantes comprovam a qualidade do trabalho desenvolvido pelo professor kodansha Sidnei Paris e demais dirigentes daquela importante delegacia regional da FPJudô.

Dirigentes e autoridades na cerimônia de abertura © FPJCOM

Cleber do Carmo, titular da 12ª DR Mogiana, abriu o evento. “Inicio agradecendo a Deus por nos permitir estar retomando as atividades esportivas e realizando esta importante competição. Agradeço também à diretoria da federação por confiar à 12ª Delegacia Regional um evento de tamanha importância e à diretoria executiva do Clube Ipanema, que nos autorizou realizar esta competição nas suas dependências. Faço também um agradecimento especial a todos que vieram a nossa cidade para abrilhantar nossa competição.”

A garotada mostrou muita determinação © FPJCOM

Em seu pronunciamento, Alessandro Puglia enalteceu os pais por acreditarem no judô como uma ferramenta educacional complementar para seus filhos. “Educação nós aprendemos em casa, mas o judô possui uma característica muito peculiar por formar bons atletas e contribuir concomitantemente na formação de grandes cidadãos e cidadãs.”

Judocas perfilados no shiai-jô © FPJCOM

O dirigente interrompeu sua fala para apresentar o professor Luiz Onmura aos jovens judocas e, dissertando sobre o impressionante currículo do ex-atleta da seleção brasileira, Puglia ressaltou a importância de suas conquistas e do legado dele e de seus colegas da seleção brasileira nos jogos de Los Angeles ao judô brasileiro.

A Associação Mercadante de Araras levou uma das maiores equipes para Ribeirão Preto © FPJCOM

“A partir dos jogos de 1984, quando três judocas paulistas – Douglas Vieira, Walter Carmona e Luiz Onmura – conquistaram uma medalha de prata e duas de bronze, respectivamente, nunca mais o judô do Brasil passou uma Olimpíada sem subir ao pódio. Totalizando hoje 22 medalhas, sendo quatro de ouro, três de prata e 15 de bronze, o judô é a modalidade esportiva do Brasil com o maior número de medalhas”, lembrou o dirigente.

Autoridades durante a execução do Hino Nacional © FPJCOM

Na sequência os 31 árbitros que atuaram no Ajinomoto Open perfilaram-se para a realização do rei inicial comandado pelo experiente árbitro internacional FIJ C, professor Rodolfo Mathias, da Associação Beneficente, Cultural e Esportiva de Judô Rio Claro, entidade filiada à 8ª DR Oeste da Federação Paulista de Judô.

A FPJudô criou a segunda divisão nos anos 1990 e posteriormente a transformou na Classe Aspirante © FPJCOM

Associação Bushidô, a campeã

Nos tatamis, lutas excelentes revelaram a força da geração que surge após o impacto da pandemia. Judocas que retomaram o treinamento interrompido abruptamente encontraram praticantes que estrearam no shiai-jô após dois anos de isolamento social.

Os delegados regionais Cleber do Carmo e Celso de Almeida Leite com Júlio Jacopi, coordenador de eventos da FPJudô e Marco Aurélio Uchida, coordenador técnico da entidade © FPJCOM

Das 59 agremiações que participaram da disputa, as três primeiras colocadas integram a 8ª Delegacia Regional Oeste e duas delas são de Vargem Grande do Sul, da região Nordeste do Estado. Mesmo com população estimada em apenas 50 mil habitantes ela é um importante centro formador de judocas.

O naipe feminino mostrou muitas judocas talentosas © FPJCOM

Neste contexto, uma das mais novas escolas do interior paulista, a Associação Bushidô de Judô Kodokan, fundada em 2018, destacou-se ao conquistar 13 medalhas. Comandados pelo sensei Daniel Garcia, os judocas sul-vargem-grandenses obtiveram sete medalhas de ouro, quatro de prata e duas de bronze.

Luiz Yoshio Onmura, medalhista nos Jogos Olímpicos de Los Angeles foi destaque na cerimônia de abertura © FPJCOM

Em segundo lugar ficou outra importante escola filiada à DR Oeste, a Associação Marcos Mercadante de Judô, de Araras, conquistando 17 medalhas, sendo seis de ouro, cinco de prata e seis de bronze. A equipe comandada pelo renomado professor kodansha Marcos Elias Mercadante levou uma das maiores equipes a Ribeirão Preto, chefiada pelo jovem, porém experiente, professor Matheus Mercadante.

Atletas de 14 delegacias regionais disputaram a competição © FPJCOM

A terceira colocada foi a Associação Jita Kyoei de Judô Kodokan, de Vargem Grande do Sul, comandada pelo professor san-dan Marco Aurélio Lodi Gomes, que conquistou 20 medalhas. Disputando 12 finais, os judocas da Jita Kyoei fizeram cinco medalhas de ouro, sete de prata e oito de bronze. Recordista em número de medalhas, sensei Lodi é um grande colaborador da federação paulista, realizando importantes eventos das categorias de base em sua cidade.

Marilaine Ferranti Antonialli, coordenadora adjunta de arbitragem da FPJudô; Arnaldo Queiroz Pereira, secretário-geral da FPJudô; e Sidnei Paris, delegado regional da 8ª Oeste © FPJCOM

Na quarta colocação aparece mais uma equipe do interior, a Associação Cultural Esportiva Recreativa Educacional de Judô Irmãos Araújo (ACEREJ), de Presidente Venceslau. Comandada pelos conceituados professores Tiago e Lucas Araújo e filiada à FPJudô pela 13ª Delegacia Regional Sorocabana, a equipe conquistou nove medalhas, sendo cinco de ouro, três de prata e uma de bronze. Fundada em 1921, a cidade de Presidente Venceslau está a 610 km da capital e sua população total é de 39.265 habitantes.

Apesar da baixa faixa etária aconteceram muitos ippons © FPJCOM

A quinta colocada, Associação de Judô Campinas, obteve oito medalhas: cinco de ouro, uma de prata e duas de bronze. Comandada pelo experiente sensei Pedro Cruz, a escola campineira é uma das agremiações mais laureadas da 15ª Delegacia Regional Grande Campinas.

Professores Raul Senra e Gabriel Basolli com judocas da ACERT de Tupã © FPJCOM

FPJudô visa à preparação profissional de jovens judocas

Após a competição houve o encontro de técnicos, no qual o presidente da FPJudô Alessandro Puglia apresentou o Projeto Keisei no Michi – Caminhos da Formação – O Judô Transformando Vidas, conduzido em parceria com o Conselho Regional de Educação Física da 4ª Região (CREF4/SP). Nesta semana publicaremos reportagem completa detalhando objetivos e participantes do segundo encontro da série.

Mostrando zelo e comprometimento, sensei Fábio Kitadai da Associação Kanayama de Judô interrompe a luta para corrigir a postura dos judocas © FPJCOM

Na manhã de domingo realizou-se o treinamento de campo dos atletas, por meio do qual a Federação Paulista de Judô pretende elevar e padronizar a qualidade do judô paulista até mesmo nos locais mais remotos do Estado. A primeira experiência, realizada no Campeonato Paulista Sub 18 de 2022, em São Bernardo do Campo, deu certo, na avaliação de todos os envolvidos. Nesta semana publicaremos reportagem completa detalhando objetivos e participantes do segundo treinamento de campo.

Árbitros que atuaram no Open Ajinomoto Aspirante © FPJCOM

Judô paulista

A Federação Paulista de Judô tem apoio da Ajinomoto do Brasil, Original Tatamis, Shihan Kimonos, MKS/Adidas, Budokan Kimonos e Alluri Sports. Por meio das suas 16 delegacias regionais a entidade congrega mais de 10 mil atletas federados de 350 agremiações. Anualmente a FPJudô credencia cerca de 1.500 técnicos e 950 árbitros, que atuam em competições regionais, estaduais, nacionais e internacionais.

Clique AQUI e veja a classificação individual do Open Ajinomoto Aspirante 2022.

Árbitros que são pedagogos e constantemente assistem os pequenos judocas © FPJCOM

Galeria de fotos

Fique por dentro de eventos e notícias locais das Delegacias Regionais

Nossos Parceiros

Logo Parceiros

Nossos Apoiadores

Logo Apoiadores

Nosso Instagram @fpjudo